Suas notícias em primeira mão

Projetos do IFPA compartilham alegrias com idosos dos Cras

0

Cerca de 50 idosos dos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) de Parauapebas participaram, no último sábado, 23, das atividades dos Projetos “Viver Envelhecendo com Saúde” e “Vovô no Campus”. A iniciativa é do Instituto Federal de Educação – IFPA.

Oficinas de pintura, garrafas, beleza, inclusão digital, saúde, ginástica laboral e jogos; apresentações culturais e sorteios de brindes fizeram a alegria do público. A abertura do evento foi com as idosas do Cras Rio Verde que apresentaram um espetáculo de dança com a música “O que é que a baiana tem?”, de Dorival Caymmi.

A professora de artes, Márcia Moreira Barroso, coordenadora do IFPA, ressalta que o projeto “Viver Envelhecendo com Saúde” é voltado para o desenvolvimento da cognição, criatividade, memória e coordenação motora, e foi desenvolvido durante todo o ano com os idosos dos referidos Centro de Referência. Já o Projeto Vovô no Campus cria um momento especial voltado para a beleza, saúde, artesanato, ginástica, jogos e outras atividades. “É um momento em que possibilita essa interação, tanto entre os idosos de Cras diferentes, quanto com nossos alunos. É uma a oportunidade de exercitar o respeito e cuidado dos nossos alunos com os idosos”, destacou Márcia.

“Ano passado, estive aqui e achei muito bom participar desse momento. Eu moro sozinha, então esses dias de eventos para mim são uma benção. Posso sair de casa e interagir aqui com os amigos”, disse Maria da Conceição, 76 anos, que é uma das integrantes do grupo de idosos do Cras da Paz.

“Essa interação entre os idosos e adolescentes e o conhecimento de novas culturas dá uma melhor qualidade de vida para os nossos idosos. A parceria com o IFPA foi muito legal e colaborou para um melhor desenvolvimento do trabalho realizado no Cras”, destacou a coordenadora do Cras Rio Verde, Sonia Pinto.

 “As conversas me trazem muita alegria. Faz com que nós tenhamos um sentimento maior de solidariedade, de amor ao próximo, de cuidar. Eu particularmente adoro o evento, as oficinas; é tudo muito legal”, disse Ingrid Costa, 17, aluna do curso de Eletroeletrônica.

 Texto: Antônio Fernandes

Fotos: Jhonathan Felipe

Comentários
Loading...