Suas notícias em primeira mão

SEMEL: Festival de Artes Marciais reúne atletas de diversas modalidades no Ginásio Poliesportivo

0

Uma manhã de apresentação e disputas entre os atletas atendidos nas escolinhas de esporte do Governo Municipal. O evento reuniu crianças e adolescentes praticantes das modalidades: Capoeira, Caratê, Judô e Jis-Jitsu, que na ocasião mostraram o que aprenderam durante todo o ano.

Somente na modalidade da Capoeira, a Prefeitura atende 150 crianças de 03 a 17 anos, envolvendo os polos VS-10, Praça da Juventude e Ginásio Poliesportivo. A garotada da capoeira foi a primeira a se apresentar e todos ganharam uma medalha de incentivo.

A atleta Estefanny Crystinne, 14 anos, pratica o esporte há sete anos. “A capoeira me ajuda muito no dia a dia e na escola. Gostei muito desse evento porque veio pessoas de outros lugares para disputar com a gente. Ganhei medalha e 30 pontos”, comemora a adolescente.  

O Caratê e o Judô também são muito procurados pelos pais. Nas duas modalidades, 380 crianças a partir dos quatro anos de idade são atendidas gratuitamente nas escolinhas.   A Ana Catarina Azevedo é uma delas. “Gosto muito de fazer judô, ajuda a melhorar a educação com meus pais. Esse evento foi legal”, comenta a atleta.

Já Gabriel Heitor, 10 anos, exercita Jiu-Jitsu. “Pra mim é um privilégio estar lutando com vários atletas de outros lugares e até maiores que eu. Sonho em ser um atleta profissional e também professor para ensinar outras pessoas o que aprendi. Gosto muito da escola, a Prefeitura nos dá os kimonos e o local para fazer nossas aulas, é muito legal”, relata.  

As escolinhas da Semel oferecem ainda aulas de vôlei, futsal, futebol de campo e balé, atendendo mais de quatro mil crianças e adolescentes. De acordo com o secretário de Esporte e Lazer, Laoreci Diniz, essa é a primeira vez que ocorre um festival de artes marciais.

“Um grande evento finalizando um grande ano para o nosso esporte. Avançamos para todos os cantos. É importante a gente valorizar e cuidar de todas as modalidades, e as artes marciais não poderiam ser diferentes que temos uma demanda muito grande, prova disso é a participação dos pais”, ressaltou o gestor. “Esse ano, chegamos ao Complexo VS-10 e ampliamos na Praça da Juventude e Ginásio; muito satisfatório alcançar um resultado como esse”, destaca o secretário.

Texto: Liliane Diniz

Fotos: Piedade Ferreira e Chico Sousa

Comentários
Loading...